Site hosted by Angelfire.com: Build your free website today!
MINHA PÁGINA
Perfil Esmas Links Rebelde Curiosidades Bônus I Bônus II Bônus III Assustador Fotos Chaves Especial Big Brother Brasil 6

TUDO SOBRE OS INTÉRPRETES DA TURMA DO CHAVES


Roberto Gomes Bolaños (Chaves)
- Roberto Gomés Bolaños nasceu no dia 21 de fevereiro de 1929, na cidade do México. É o segundo dos três filhos de Elsa Bolaños Cacho e Francisco Gómez Liñares. A vida de Gómez Bolaños sempre esteve ligada ao mundo dos espetáculos e a vida pública em geral, pois seu pai foi pintor e ilustrador de diversos jornais de sua época. Gómez Liñares também foi o retratista mais cotado do princípio do século XX. A mãe de Roberto Gómez Bolaños ficou viúva aos 32 anos.Isso fez com que o pequeno Roberto perdesse um ano na escola. Apesar da dificuldade econômica que a família passou, Gómez Bolaños foi uma criança muito feliz, segundo conta o próprio: "minha mãe era tão sensacional que nunca me dei conta que estávamos pobres. Nunca teve condição de me comprar uma bicicleta, um brinquedo moderno, porém nunca me faltou uma pelota. Fui super feliz. Ela se matou trabalhando e isso eu só me dei conta.

Maria Antonieta de las Nieves (Chiquinha) - Maria Antonieta de las Nieves é um ícone da televisão mexicana. Isso graças ao grande êxito que obteve interpretando a personagem Chiquinha, no humorístico Chaves. Maria Antonieta de las Nieve, nasceu no dia 22 de dezembro do ano de 1950, em Nayarit, México. Iniciou-se no meio artístico muito cedo, aos 6 anos. Recebeu seu primeiro prêmio quando tinha 8 anos de idade, quando fazia a novela "La Leona". Maria interpretava uma menina má. Dois anos depois, mais um prêmio: atriz dramática infantil. Começou a trabalhar ao lado de Roberto Gómez Bolaños "Chespirito", quando este procurava uma mulher jovem e baixa para uma comédia local. Quando Chespirito falou com Antonieta sobre a proposta, ela disse que não era atriz cômica e sim dramática, nada mais. Chespirito replicou dizendo: "Então não é uma boa atriz. Não há atores dramáticos ou cômicos. Há atores". Essas palavras fizeram Maria refletir, e aceitar a proposta.

Ramón Gómez Valdez - Seu Madruga (faleceu) O saudoso Ramón Valdez nasceu no ano de 1923, na Cidade do Méixico. Com 2 anos de vida, foi morar com seu pai na pequena cidade de Juarez, no México. Teve três esposas, uma delas era a cantora Aracely Julian, e aproximadamente 10 filhos.As filhas Aracely, Gabriela, Carmen e Aracely Valdéz, contaram a um site mexicano como o pai era por trás das câmeras: um doce de pessoa. Sempre se vestiu de forma bem simples, igual ao Seu Madruga, e só usou smoking no casamento delas.Antes de trabalhar com Roberto Gómez Bolaños "Chespirito", atuou em vários filmes junto com seus irmãos Manuel Valdés "El loco" e Gérman Valdés "El Tin Tan". Logo se vê que a veia artística era de família.Ramón foi um veterano no cinema, trabalhou em quase 50 filmes, nos quais destacam-se "Calabacitas tiernas" (1948), "El rey del barrio" (1949), "Soy Charro de Levita" (1949), "La marca del Zorrillo" (1950), "Fuerte, audaz y valiente" (1960) e "El capitán Mantarraya" (1969). Também trabalhou em novelas como "Lupita" (exibida no Brasil pelo SBT em 1985).Se fez mundialmente famoso trabalhando na série "El Chavo del Ocho" (nome original da série Chaves), onde interpretava o personagem Don Ramón (nome original do personagem Seu Madruga), com todo aquele seu carisma incomparável.Nos últimos anos de sua carreira, Valdez dedicou-se a viajar com seu circo por toda a República Mexicana.

Angelines Fernández - Bruxa (faleceu) - Angelines Fernández nasceu em 9 de julho de 1922, na cidade de Madri, Espanha. Em 1947, tentou emigrar para o México, com o objetivo de fugir da ditadura que crescia na Espanha, mas não conseguiu ser refugiada. Acabou se estabelecendo em Cuba para regularizar a sua documentação, até que, em 1950, conseguiu se mudar definitivamente para o México. Começou fazendo rádio-novelas e, ao mesmo tempo, teatro e cinema. Foi uma das pioneiras do cinema mexicano, atuando em filmes de Mario Moreno "Cantinflas" e Artur de Córdoba. Se tornou famosa trabalhando com Roberto Gómez Bolaños "Chespirito" na série Chaves, onde interpretou por mais de 23 anos a personagem Dona Clotilde, a Bruxa do 71. Participou de outras séries criadas por Chespirito, como Chapolin Colorado.

Florinda Meza ( Dona Florinda) - A personagem mais popular de sua carreira como atriz é a rabujenta Dona Florinda. Até onde se sabe, Florinda Meza é uma pessoal muito discreta. Florinda Meza García nasceu no dia 8 de fevereiro de 1948, na cidade do México É a atriz símbolo de todas as principais produções de Roberto Gómez Bolaños. Florinda Meza sempre se destacou por seus excelentes dotes como atriz e por sua grande versatilidade ao encarnar personagens tão diferentes ao longo de sua trajetória artística. Roberto Gómez Bolaños "Chespirito" a conheceu através de um monitor, gravando em um estúdio; se deu conta que se tratava de uma atriz com potência, e a chamou para trabalhar junto a ele. Seu primeiro trabalho, junto com Roberto, foi em uma sketh chamada "Don Juan Tenorio Um fato bastante curioso na vida da atriz, foi o pequeno romance que ela teve com o ator Carlos Villagrán (intérprete do Quico, no Chaves). Dizem até, que, um dos motivos que mantiveram afastado por mais de 20 anos Carlos Villagrán e Bolaños, foi justamente o ciúmes de alguma dessas duas partes Participou, junto com Chespirito, da campanha que elegeu Vicente Fox á presidência do México Hoje, Florinda Meza vive no México com seu marido, Roberto Gómez Bolaño.


Raul Padilla - Jaiminho (faleceu) - No ano de 1918, no México, nascia o ator Raul Padilla. Raul passou a integrar o grupo de atores dos seriados criados por Bolaños no final da década de 70. Interpretou, no humorístico Chaves, o personagem Jaiminho. Atuou, também, no Chapolin. Participou em quatro filmes criados por Chespirito: “El Chanfle” - 1978 -, “El Chanfle II”, - 1980 - “Charrito” - 1985 - e “Don Raton y Don Ratero” - 1983. Raul Padilla foi casado com Magda Guzman e teve, com ela, um filho chamado Rafael Padilla, que é ator. Falecu em 3 de fevereiro de 1994, devido a problema de saúde relacionados a diabete.

Rubéns Aguirre Flores ( Professor) - O intérprete do romântico Professor Girafales, nasceu no dia 15 de junho de 1934, em Saltilo, Coahuila, México. É o mais velho e o mais alto dos 6 filhos de Rubéns Aguirre Flores. Estudou em Saltilo até o segundo ano do primeiro grau. Foi viver junto com sua família em Torreón, Coahuila. Lá, ele completou o ensino fundamental na escola Centenario e o ensino médio no colégio Venustiano Carranza. Sempre foi considerado um aluno de ótimas notas, porém muito inquieto. Na faculdade, Aguirre estudou engenharia agrônoma Rubéns começou a trabalhar muito cedo. Com pouca idade já havia trabalhado de tudo um pouco: já foi locutor de rádio e televisão, ventríloco, ator, narrador de touradas, toureiro, diretor de televisão Depois, os mesmos donos do Canal 6 abriram um outro canal, o Canal 8, e contrataram Rubéns, não como locutor nem como ator, e sim como sub-gerente de produção. Quando o canal entrou no ar, passou a trabalhar como executivo da empresa e, aos fins de semana, como ator, em um programa de sábado, criado por Roberto Gómez Bolaños "Chespirito", que se chamava "Chespiritotadas". O diretor do canal logo o impediu de desempenhar os dois trabalhos, alegando que, para a imagem da empresa, não ficava bem ter um executivo negociando durante a semana e um ator aos sábados. Para surpresa do próprio diretor do canal, Rubéns escolheu ficar como ator e abrir mão do alto salário que recebia até então, como executivo da empresa. Desde de 1976, Rubéns é proprietário de um circo: "El Circo del Professor Jirafales". Mas, nos últimos tempos, tem mantido-se afastado do seu público e deixado de fazer shows, pois sente muita vergonha do seu corpo. Atualmente, o ator que ficou conhecido interpretando o Professor Girafales está pesando mais do que pesava antes o próprio Seu Barriga. Aguirre engordou mais de 25 quilos devido ao uso de um medicamento para curar um problema que tinha na perna há alguns anos Hoje, Rubéns Aguirre vive com sua esposa, Consuelo Aguirre, com quem teve 7 filhos.

Horácio Bolaños - Godínes (faleceu) - Horácio Bolaños, irmão de Chespirito - criador e intérprete dos personagens Chapolin e Chaves -, nasceu em 28 de julho de 1930, na Cidade do México. Era um dos três filhos de Elsa Bolaños Cacho Francisco Gómez Liñares Sua carreira como ator iniciou-se nos seriados humorísticos de seu irmão, no início de década de 70. Seu personagem mais famoso é, sem dúvida, o atrapalhado Godinez, da série Chaves. No Chapolin, Horácio encarnou alguns personagens marcantes, como o “clone” do Polegar Vermelho nos episódios “Festa à Fantasia” e “Acapulco Atuou, também, nos filmes “El Chanfle II” e “Charrito”, ambos produzidos por seu irmão No final de 1999, Horácio, então com 69 anos de idade, tinha que locomover-se apoiado a uma bengala, devido a uma fratura que sofrera no fêmur Em 21 de novembro de 1999, Horácio Gómez Bolaños morre devido a um enfarte Suas cinzas descansam na igreja Chestojobak, Lomas de Chapultepec.

Edgar Vivar ( Seu Barriga) - Edgar Vivar, nasceu no dia 28 de dezembro de 1947, na Cidade do México. É médico de formação, porém tal profissão ele só exerceu por um período aproximado de dois anos. Não seguiu a carreira de medicina, porque no período em que passou atendendo, notou que as pessoas estavam virando apenas números e o atendimento estava se desumanizando. Iniciou sua carreira como ator no Centro Universitário de Teatro, em 1964 e participou de cerca de 40 obras. No ano de 1970, quando realizava rádio-teatro, foi chamado por Roberto Gómez Bolaños "Chespirito" para fazer parte dos seus programas cômicos. Nesse mesmo ano, começava a ganhar vida o seriado Chapolin Colorado, que, nessa época, nada mais era do que um quadro do programa "Chespirito". O seriado Chaves foi o auge de sua carreira. No humorístico em questão, interpretou os famosíssimos personagens Nhonho e o imortal dono da vila do Chaves, o Sr. Barriga No inicio dos anos 90, Edgar Vivar deixou o programa "Chespirito" (Clube do Chaves) devido a problemas pulmonares, causados por um problema glandular que fazia ele ganhar muito peso. Graças ao tratamento médico contínuo, emagreceu mais de 50 quilos em um espaço de um ano.

Carlos Villagrán ( Quico) - Este é o intérprete do personagem Quico. Vamos conhecê-lo melhor. Carlos Villagrán nasceu no dia 12 de janeiro de 1944, na Colônia Nativista, em Queretaro, México. Veio de uma família muito pobre, segundo conta o próprio Villagrán: "Éramos tão pobres, que os pobres não se misturavam conosco, por sermos pobres". Na casa onde Carlos Villagrán viveu com seus pais e seus irmãos, (duas irmãs mais novas e um irmão mais velho) era tão humilde que não tinha nem colchão para dormir. Por atravessar tais dificuldades, teve que começar a trabalhar muito cedo, ainda na infância. Aos 23 anos, começou a trabalhar com a fotografia profissional. Chegou a trabalhar em alguns dos jornais mais bem conceituados do México. Mas, seu sonho, mesmo, era ser apenas duas coisas: ou comediante ou jogador de futebol. O convite para trabalhar junto a Chespirito e todo o elenco das séries, veio graças a Rubéns Aguirre (Prof. Girafales); este apresentou Carlos para Roberto Bolaños, que já o havia visto em cena em uma obra teatral. Segundo conta Villagrán o personagem Quico surgiu da seguinte forma: no final do anos 60, antes de surgir o seriado Chaves, Carlos Villagrán atuava em uma peça de teatro, onde ele já se caracterizava com roupa de marinheiro e com bochechas inchadas, igual ao Quico. Já a versão de Chespirito é a seguinte: Villagrán arrumou uma roupinha de marinheiro, só que Chespirito achou que ele de marinheiro, com o rosto que é visto nos episódios do Chapolin – sem bochechas infladas -, se parecia muito com um personagem de um programa infantil da tevê mexicana, o Chabelo, então, Chespirito inventou que ele seria um menino bochechudo.Atualmente Carlos Villagrán tem um circo no Paraguaí."Se você quiser tirar uma foto ao lado do personagem Quico terá de pagar dez dólares".



Clique aqui e garanta já as fotos da turma do Chaves