Site hosted by Angelfire.com: Build your free website today!
FOLCLORE
                    O povo de São Luís é alegre e festeiro. Principalmente no Carnaval e durante
                   os festejos juninos, a cidade é toda festa. Se é Carnaval, sobem dos bairros
                   milhares de foliões, organizados em blocos de fantasia uniforme, cantando os
                   sambas que compõem, auto-acompanhados por variados instrumentos de
                   percussão.

                   Milhares, porém, iniciados no folguedo desde a meninice, brincam
                   isoladamente ou ou pequenos grupos , vestidos de "fofões" de chita colorida,
                   com máscaras as mais estranhas, fantásticas, produtos artesanais do rico
                   imaginário popular, não raro reproduzindo animais da fauna ou das lendas
                   maranhenses. Quem não se diverte na ruas, esbalda-se, noites seguidas, nos
                   animadíssimos bailes carnavalescos, oferecidos pelos clubes burgueses ou
                   pelas sociedades organizadas dos subúrbios. Mal termina o carnaval,
                   começam os ensaios dos cordões de bumba-boi e das quadrilhas que se
                   apresentarão durante as festas juninas. Chegado o mês de junho, São Luís
                   transforma-se em imenso arraial. Em todos os bairros e nas Vilas dos
                   arredores, armam-se barracas nos largos e nas praças enfeitadas de coloridas
                   bandeirinhas. Muitos deles têm sua própria quadrilha ou seu próprio cordão de
                   bumba-boi (também chamado Boi-de-São João). Nesses lugares o povo canta,
                   dança, bebe, come iguanas de milho, mingaus, cocadas, pés-de-moleque,
                   pastilhas e toda a sorte de pratos da culinária maranhense.

                   Então, é quando se pode apreciar a riqueza e o colorido dos chapéus, dos
                   peitilhos e dos aventais dos brincantes do boi, cheios de fitas, penas,
                   canutilhos, paetês, vidrilhos e lantejoulas, artística e caprichosamente
                   bordados, quase sempre em padrões florais ou reproduzindo - imagens de
                   santos do culto católico-romano.

                   Existem, em São Luis, quase 1OO grupos de bumba-meu-boi, que ij/í guardam
                   e reproduzem as características básicas desse auto popular oriundo de
                   Portugual, aqui impregnado, de modo sincrético, de valores culturais africanos
                   e indígenas.

                   Mas não é só no São João e Carnaval. Festas tem o ano inteiro . Tem Tambor
                   de Crioula, dança de origem africana; Tambor de Mina,variaçáo maranhense
                   para o candomblé; Festa do Divino; Dança de São Gonçalo; Dança do Lelê;
                   Festa de São Benedito; Cacuriá; Dança do Caraça... E o Reggae, ritmo
                   jamaicano que se popularizou nas ultimas décadas e já se tornou uma nova
                   atração turistica.

 
Clique aqui para saber mais sobre o Bumba-meu-Boi

Clique aqui para conhecer nosso Artesanato

Clique aqui para saber sobre a Culinária Maranhense e algumas Receitas dos pratos mais famosos
 

Lendas:

Lenda do Milagre de Guaxenduba

Lenda da Carruagem de Ana Jansen

Lenda da Serpente de São Luis

Lenda da Manguda

Lenda do Palácio das Lágrimas

Lenda da Praia do Olho D'Água

O Milagre de São João Batista
 
 
 
 
 
 
 

São Luis