Site hosted by Angelfire.com: Build your free website today!
@ BARCELONA

Barcelona

Gaudi

Miró

Picasso

Fotos

Contactos

Barcelona, capital da Catalunha, orgulhosa, soberana no sentir do seu povo, hospitaleira e acolhedora, local de derrotas históricas e de vitórias recentes, vitórias que se comemoram colectiva ou individualmente de cada vez que um visitante resolve tomar para si a chave da cidade e transformá-la na sua cidade adoptiva e de cada vez que o catalão sente como sua uma conquista do Barça sobre o seu arqui-rival, o Real Madrid.
Da história catalã rezam várias tentativas de conquista de soberania nacional, nunca verdadeiramente alcançada, mas apesar dos revezes o orgulho de ser catalão mantém-se intacto, facto que pode ser comprovado na festa nacional anual celebrada a 11 de Setembro, a "Diada". Neste dia tão especial para os habitantes da Catalunha, celebra-se uma derrota! Uma derrota militar onde a soberania nacional ficou mais uma vez longe do horizonte deste povo. A dança chama-se "la sardana" e a coreografia interpretada por vários círculos de pessoas de mãos dadas é intimista e simples a contrastar com as danças tradicionais de outros povos em que a alegria é o sentimento a realçar.
Virada para o Mediterrâneo, Barcelona soube crescer de uma forma ordenada e integrada. Este crescimento conheceu as suas raízes no projecto urbanístico concebido em 1856, cuja filosofia assentou na integração das aldeias próximas, derrubando as muralhas medievais e abrindo a cidade às zonas circundantes.
Bairros tão diferentes como o bairro Gótico, o mais antigo de Barcelona, e o bairro El Eixample, construído durante a terceira metade do século XIX e que é hoje o centro de Barcelona, coexistem em perfeita harmonia. Para isso contribuiram arquitectos como Gaudí, Domenech i Muntaner ou Puig i Cadafalch. Os edifícios desenhados e criados por estes homens ajudaram em muito a criar a imagem de modernidade e prosperidade que Barcelona actualmente deixa transparecer e são um dos focos de atracção para os milhares de visitantes que a cidade alberga todos os anos.