-->
Site hosted by Angelfire.com: Build your free website today!
O METODISMO - DOUTRINA

1 - METODISMO -
DEFINIÇÕES DAS DOUTRINAS METODISTAS

Definição geral e legal: "A Igreja Metodista adota os princípios de fé aceitos pelo Metodismo Universal, os quais tem por fundamento as Sagradas Escrituras do Antigo e do Novo Testamentos, testemunho escrito da revelação divina, dado por homens movidos pelo Espírito Santo, as quais contém tudo quanto é necessário para a salvação e são suficiente regra de fé e prática para os cristãos".

A tradição doutrinária metodista orienta-se pelo Credo Apostólico, pelos 25 Artigos de Religião do Metodismo Histórico e pelos Sermões de João Wesley e suas Notas sobre o Novo Testamento. Citamos também como Elementos Básicos da Igreja Metodista os seguinte documentos: Costumes dos Metodistas (Regras Gerais), Credo Social da Igreja Metodista, Normas do Ritual, Plano para a Vida e a Missão, Diretrizes para a Educação, Plano Diretor Missionário e as Pastorais de responsabilidade do Colégio Episcopal. Definição particular e específica - "O metodismo tem suas doutrinas, mas dá mais ênfase à vida moral e espiritual. O avivamento espiritual, promovido por João Wesley e seus cooperadores, visava à santidade de vida, à harmonização da vontade do homem com a vontade de Deus" (História do Metodismo de Paul E. Buyers, pg. 83, Imprensa Metodista, 1945).

Em essência as doutrinas do Metodismo são as mesmas da Reforma do Século XVI. Wesley não acrescentou à teologia qualquer idéia nova. Nem inventou nova doutrina. Sua ação foi em vitalizar as doutrinas da Reforma com o fogo da experiência do Espírito Santo na sua vida e na dos seus colaboradores. Ele mesmo disse: "As minhas doutrinas são simplesmente os princípios fundamentais do Cristianismo".

Sua declaração muito familiar, num resumo, declara: "As nossas doutrinas principais, que encerram todas as demais, são o arrependimento, a fé e a santificação. A primeira é o vestíbulo da religião; a segunda, a porta; a terceira, a própria religião".

2 - ORIGEM DAS DOUTRINAS METODISTAS

"A origem das doutrinas Metodistas é o cristianismo puro mediante uma experiência pessoal do poder de Deus na vida dos crentes. Essas doutrinas não nasceram, pois, num meio exclusivamente intelectual, porém, na experiência dos homens. Portanto, o metodismo não se caracteriza tanto pela sua insistência na conformidade do indivíduo a um credo, mas em conformar a sua vida à santidade.

3 - PADRÕES DAS DOUTRINAS METODISTAS

Conforme já foi dito, "o padrão de doutrinas metodistas consiste nos 25 Artigos de Religião , nos 52 Sermões de Wesley e suas Notas sobre o Novo Testamento e o Credo Apostólico. Os "Sermões" e as "Notas" são verdadeiros símbolos cristãos. Neles estão contidos as verdades fundamentais da fé cristã. Em resumo, os "Sermões" de Wesley apontam:

1 - A universalidade e imparcialidade da graça de Deus em relação ao homem manifestadas nas provisões feitas para a propiciação.

2 - A liberdade da vontade humana e do homem individualmente, probatória da responsabilidade para com Deus.

3 - A necessidade absoluta, em religião, de santidade no coração e na vida.

4 - A impossibilidade essencial da natureza humana decaída, de alcançar esta santidade.

5 - A provisão feita para tal necessidade e impossibilidade, assim como para o perdão dos pecados passados, feita na salvação oferecida por Cristo.

6 - A única condição de Salvação: a fé.

7 - O testemunho consciente do Espírito acerca desta salvação.

4 - ALGUMAS DOUTRINAS MAIS ENFATIZADAS NO METODISMO

1 - A redenção universal - "O metodismo ensina que a expiação de Cristo é universal na sua extensão, isto é, que Jesus experimentou a morte por todos os homens; que todos os filhos de Adão estão abrangidos no seu sacrifício expiatório; que o valor da expiação de Cristo consiste na sua divindade; que Deus entregou Jesus Cristo, seu Filho Unigênito, para padecer a morte de cruz, para a nossa redenção, o qual, pela oblação de si mesmo, feita uma só vez, realizou um sacrifício, uma oblação e uma satisfação plena, perfeita e suficiente pelos pecados de todo o mundo", e que era intuito de Deus assim redimir a humanidade. 1º Timóteo 2.4; Tito 2.11; João 3.16 e Romanos 8.32.

2 - Justificação pela fé - "Justificação pela fé é o ato judicial e divino que aplica ao pecador crente em Cristo o benefício da expiação, libertando-o da condenação de seus pecados, colocando-o no estado de favor e tratando-o como justo". Ser justificado é ser perdoado e recebido no favor de Deus; porque em tal estado seremos finalmente salvos". Justificação e perdão significam a mesma coisa. A causa originária é o amor de Deus; a causa meritória é a expiação de Cristo; e a causa instrumental é a fé pessoal do crente. Romanos 3.20,24-26, 28; 2 Coríntios 5.18-21; Gálatas 2.16-20; Efésios 2.4-8,15-16; Tito 3.4-7; Atos 13.38-39; Romanos 3.21-22.

3 - O Arrependimento - o arrependimento pessoal para com Deus e fé no Senhor Jesus Cristo são os dois elementos básicos do arrependimento. "O arrependimento é o meio e a fé é a condição da salvação". O coração quebrantado, a tristeza da alma e o aborrecimento pelo pecado levam a alma a aceitar a Cristo como único Salvador. Então vem a confissão dos pecados e a reforma da vida. O arrependimento é dever de todos os homens "porque todos pecaram e necessitam da glória de Deus". O arrependimento evangélico é chamado "o arrependimento para com Deus", porque ele consiste em voltar-se do pecado para a santidade; implica um sentimento de ódio ao pecado e um amor à santidade. As provas de um verdadeiro arrependimento salvador encerram a consciência e a confissão do pecado; assim como uma profunda tristeza pelo pecado e a sua renúncia de coração".

4 - Regeneração ou Novo Nascimento Regeneração é o novo nascimento; é obra do Espírito Santo pela qual experimentamos uma mudança de coração. Os termos pelos quais este estado se exprime nas Escrituras são: Nascer de novo, ressuscitado com Cristo e participante da natureza divina ".João 1.12-13; 2 Coríntios 5.17; Colossenses 1.12-15; 1 Pedro 1.22-23.

5 - A possibilidade de apostasia final - é possível para uma pessoa que tenha sido genuinamente regenerada cair de novo em pecado e perder-se para sempre. Confirmam esta doutrina as seguintes passagens das Escrituras: Ezequiel 33.12-20; Hebreus 6.4-8; João 15.1-6; Romanos 11.20-22; Hebreus 3.12-14; 1 Timóteo 1.19-20; 2 Pedro 2.4; 20-22.

6 - Os Sacramentos - O Metodismo reconhece só dois sacramentos: a Ceia do Senhor e o Batismo. Os metodistas convidam a todos os crentes em plena comunhão com sua Igreja, seja qual for a denominação evangélica, a comungar com eles e dão aos seus membros a liberdade de comungar com outras Igrejas evangélicas. Quanto ao batismo, batizam crianças e adultos e não fazem questão de modo pelo qual batizam, mas exigem uma experiência da graça de Deus no coração.

7 - As Escrituras Sagradas - A Bíblia é a fonte de toda a verdade evangélica e a Igreja Metodista considera as Escrituras Sagradas como a única e suficiente regra de nossa fé e prática.

5 - DOUTRINAS CARACTERÍSTICAS DO METODISMO

1 - O Testemunho do Espírito Santo - "Pelo testemunho do Espírito Santo eu quero falar de uma impressão íntima na alma, pela qual o Espírito de Deus imediata e diretamente testifica com o meu espírito que sou filho de Deus; que Jesus me amou e se deu a si mesmo por mim; que todos os meus pecados estão lavados e eu, sim eu, estou reconciliado com Deus" (João Wesley).

2 - Santificação - "A santificação é a obra da graça de Deus pela qual somos renovados à imagem de Deus, separados para o seu serviço, capacitados a morrer para o pecado e a viver para a justiça. A santificação abrange todas as graças de sabedoria, fé, arrependimento, amor, humildade, zelo, paciência e a prática disso tudo para com Deus e o homem. A natureza da santificação é a conformidade do coração e da vida com a lei de Deus.

VOCABULÁRIO

Vestíbulo - Espaço entre a rua e a entrada da casa, edifício etc.

Propiciação - Favor ou ação de Deus para libertar o homem do pecado e da condenação. Jesus Cristo é a nossa propiação. Veja 1º João 2.2.

Probatória - "que contém prova"

Expiação - Refere-se ao sofrimento, padecimento e morte do Senhor Jesus Cristo, para cancelamento de nossa "dívida" ou pecados.

Oblação - Oferecimento, oferta feita a Deus.

Quebrantado - quebrado, moído, partido, humilde.

Regeneração - dar nova vida, reconstruir, nascer outra vez.

Apostasia - abandono ou desvio da fé, separação.

Comungar - receber ou tomar em comunhão.

(Colaboração Rev. Edson Alves)




MENU
|Página Inicial| |Karaokê de Natal| |A Igreja|
|Email do Pastor| |E-mail do webmaster|
|Ministério da Comunicação| |Ministério do Louvor|



Volte Sempre !
Assine o nosso livro de visitas


Email: metocba@terra.com.br