Palomar's Home Page
Músicas Cifradas
Para violão e guitarra
 
 

A minha alma
Encontrar alguém
Quando o sol bater na janela do teu quarto
Sweet child O'Mine
No rancho fundo
Otherside
Words
Have you ever seen the rain
California Dreaming
Born on the Bayou - CCR
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
Medo da chuva
O dia em que a Terra parou
Wish You Were Here
Eu Nasci Há Dez Mil Anos Atrás
Não chores mais - (No woman no cry)
A Promessa
Indignação
Te ver
Tanto
 
 

Página Anterior                               Página Seguinte



 
 
 
 

A Minha Alma - O RAPPA

(falado)
A minha alma está armada
E apontada para a cara

Am
Do sossego
Pois paz sem voz
       F7
Pois paz sem voz
Dm7              Am
Não é paz é medo

Am
as vezes eu falo com a vida (lá lá lá...)
as vezes é ela quem diz
          F7
Qual a paz que eu não quero
         Dm7
Conservar
                Am
Para tentar ser feliz
 

     C
As grades do condomínio
              G         Am
São para trazer proteção
               C
Mas também trazem a dúvida
            G                  Dm
Se é você que está nessa prisão
        C                G
Me abrace e me dê um beijo

Dm                   Am
Faça um filho comigo
                   C
Mas não me deixe sentar
           G                  Am
Na poltrona  no dia de domingo

         C
Procurando novas drogas
      G         Dm
De aluguel nesse vídeo
 Am           C
Coagido é pela paz
Que eu não quero
    G            Am
Seguir adimitido

            Am               G
É pela paz que eu não quero seguir
            Dm               Am
É pela paz que eu não quero seguir
            Am               G
É pela paz que eu não quero seguir
      A5
Admitido
 
 

Encontrar Alguém - Jota Quest
 

D    C#m     F#m
Encontrar alguém
Encontrar alguém              F  E
Encontrar alguém, que me dê amor
D    C#m     F#m
Encontrar alguém
Encontrar alguém              F  E
Encontrar alguém, que me dê amor
 

F#m                                      Bm
Da esquina eu vi o brilho dos teu olhos
                              F#m
Tua vontade de morrer de rir
Teus cabelos tentaram esconder
    Bm            F#m
Mas vi tua boca feliz
                             Bm
Tua alma leve como as fadas
                           F#m
Que bailavam no teu peito
Tua pele clara como a paz
      Bm                 F#m
Que existe em todo sonho bom
        Bm                 F#m
Quis matar os seus desejos
      Bm                     F#m
Ver a cor dos teus segredos
      Bm
E contar pra todo mundo
   F#m              E4
O beijo que eu nunca esqueci

(REPETE TUDO)
 
 

Quando o Sol Bater na Janela do Teu Quarto  -  Renato Russo
Tom: D
Intr.: D
           D    G  Em    A             G   D A
 Quando o sol bater na janela do teu quarto
          D G Em A         G          D A
 Lembra e vê       que o caminho é um só
G                                          A
 Porque esperar se podemos começar tudo de novo, agora mesmo?
        G
 A humanidade é desumana, mas ainda temos chance
A
 O sol nasce pra todos, só não sabe quem não quer
           D    G  Em    A             G   D A
 Quando o sol bater na janela do teu quarto
          D G Em A                    D
 Lembra e vê       que o caminho é um só
Em                     A                       Em
 Até bem pouco tempo atrás poderiamos mudar o mundo
         A
 Quem roubou nossa coragem?
 Bm     C  E       D  A          Em         A
 Tudo é dor e toda dor vem do desejo de não sentirmos dor
           D    G  Em    A             G   D A
 Quando o sol bater na janela do teu quarto
          D G Em A         G          D
 Lembra e vê       que o caminho é um só
 
 
 

Sweet Child O' Mine - Sheryl Crow
 

   [D] He's got a smile that it seems to me
   [C9] Reminds me of childhood memories
   Where [G] everything was as fresh as the bright blue sky
   [D] Now and then when I see his face
   [C9] It takes me away to that special place
   and if I [G] stay too long I'd probably break down and [D] cry

   [C9] Oh [G] oh, sweet child of [D] mine
   [C9] Oh, oh, [G] oh, sweet love of [D] mine

   [D] He's got eyes of the bluest sky
   [C9] and if they thought of rain
   I'd [G] hate to look into those eyes and [D] see an ounce of pain
   [D] His hair reminds me of a warm safe place
   [C9] where as a child I'd hide
   and [G] pray for the thunder and for the rain to [D] quietly pass me by

   [C9] Oh [G] oh sweet child of [D] mine
   [C9] Ooooo oh, oh, [G] oh sweet love of [D] mine
   [C9] Oh, oh, oh, [G] oh sweet child of [D] mine
   Hey, hey-hey [C9] Oh [G] sweet love of [D] mine

   {electric guitar solo; chords go like this: [em] [C] [bm7] [am] x2}

   [em] Where do we go, [G] where do we go now, [A] where do we go [C] [D]
   [em] Where do we go, [G] where do we go now, [A] where do we go [C] [D]
   [em]Where do we go, [G] sweet child, [A] where do we go now [C] [D]
   [em]Ahhhhh[G]hhhh, [A]where do we goooo[C]oooo[D]ooooo
   [em] Where do we go, [G] sweet child, [A] where do we go now [C] [D]
   [em] Where do we gooo[G]oooo, [A]where do we go now [C] [D]
   [em] Where do we go, [G] [A] where do we go now [C] Na-na-na-
   [D]na-na-na
   [em] Sweet [G] child, sweet [A] chi-[C] . . .[D] ld of [em] mine
 
 
 

No rancho fundo - Chitãozinho e Xororó
    Tom: G

             G
    No rancho fundo
              B7          Em
    Bem pra lá do fim do mundo
             B7         C
    Onde a dor e a saudade
              Am   D7   G      D7
    Contam coisas da cidade...

               G
    No rancho fundo
             B7          Em
    De olhar triste e profundo
            B7            C
    Um moreno conta as "mágua"
                Am     D7     G
    Tendo os olhos rasos d'água

            E7
    Pobre moreno
             Bm    E7  Am
    Que de tarde no sereno
             Cm        Bm
    Espera a lua no terreiro
              Am      D7    G
    Tendo o cigarro por companheiro

            E7
    Sem um aceno
        Bm   E7  Am
    Ele pega da viola
           Cm   Bm
    E a lua por esmola
             Am       D7    G   D7
    Vem pro quintal desse moreno

               G
    No rancho fundo
              B7          Em
    Bem pra lá do fim do mundo
             B7          C
    Nunca mais houve alegria
            Am    D7     G    D7
    Nem de noite nem de dia

          G
    Os arvoredos
            B7           Em
    Já não contam mais segredos
           B7     C
    E a última palmeira
      Am     D7   G
    Ja na cordilheira

             E7
    Os passarinhos
         Bm      E7     Am
    Internaram-se nos ninhos
             Cm          Bm
    De tão triste esta tristeza
              Am    D7    G
    Enche de trevas a natureza

              E7
    Tudo por que?
          Bm     E7  Am
    Só por causa do moreno
            Cm               Bm
    Que era grande, hoje é pequeno
             Am   D7  G   D7
    Para uma casa de sapê

               G
    Se Deus soubesse
         B7        Em
    Da tristeza lá serra
          B7          C
    Mandaria lá pra cima
           Am       D7     G     D7
    Todo o amor que há na terra

               G
    Porque o moreno
           B7         Em
    Vive louco de saudade
              B7       C
    Só por causa do veneno
            Am    D7    G
    Das mulheres da cidade

             E7
    Ele que era
          Bm    E7    Am
    O cantor da primavera
              Cm            Bm
    Que até fez do rancho fundo
            Am       D7     G
    O céu maior que tem no mundo
 

              E7
    O sol queimando
            Bm    E7      Am
    Se uma flor lá desabrocha
         Cm           Bm
    A montanha vai gelando
               Am      D7    G
    Lembrando o aroma da cabrocha
 
 
 

Red Hot Chili Peppers: "Otherside"

initial solo
E----------------------------------------------
b------------------0---------------------------
g------------2--2-----2------------------------
d---2--2-2---------------0--2--2-2--0--0-0-----   for 3 times
a---0--------3--------------3------------------
e-----------------------------------3----------

E----------------------0-0-0-------------------
b------------------------------0-0-0-----------
g------------2--2-2----------------------------
d---2--2-2-------------------------------------
a---0--------3---------3-----------------------
e------------------------------3---------------
 

CHORUS
How long how long will I slide
Separate my side I don't
I don't believe it's bad
Slit my throat
It' s all I ever

Am                           Em
I heard your voice through a photograph
Am                         Em
I thought it up it brought up the past
Am                      Em
Once you know you could never go back
             G             Am
I've got to take it on the otherside

Am                    Em
Centuries are what it meant to me
Am                 Em
A cemetery where I marry the sea
Am                 Em
Stranger things could never change my mind
            G              Am
I've got to take it on the otherside
G              Am
Take it on the otherside
G
Take it on
Am
Take it on

CHORUS
Am       F               C
How long how long will I slide
G           Am  F    C
Separate my side I don't
 G                   Am F
I don't believe it's bad
C
Slit my throat
G
It's all I ever

Am                 Em
Pour my life into a paper cup
Am                        Em
The ashtray's full and I'm spillin' my guts
Am                      Em
She wants to know am I still a slut
G                          Am
I've got to take it on the otherside

Am                 Em
Scarlet starlet and she's in my bed
Am                 Em
A candidate for my soul mate bled
Am                   Em
Push the trigger and pull the thread
G                          Am
I've got to take it on the otherside
G               Am
Take it on the otherside
G
Take it on
Am
Take it on

CHORUS

Em / G  /Em / G

Em
Take me on take me for a hard ride
G
Burn me out leave me on the otherside
Em
I yell and tell it that
It's not my friend
          G
I tear it down I tear it down
And then it's born again

CHORUS

Am     F   C       G                 Am  F
How long I don't I don't believe it's bad
C
Slit my throat
     G               Am
It's all I ever
 
 

"Words" (Barry, Robin, and Maurice Gibb)
Intro:
        (piano arr. for guitar):
         G
         v   v   v   v     v   v   v   v
        -----------------|-----------------
        -----3-----------|-----3-----------
        ---4---4-----545-|---4---4---4-545-
        -5-------5-5-----|-5-------5-------
        -----------------|-----------------
        -3---------------|-3---------------

Verse 1:
          G
        Smile an everlasting smile
                               A [2: orchestra implies A6]
        A smile can bring you near to me
              D7
        Don't ever let me find you gone
                                  C/G     G
        'Cause that would bring a tear to me

Chorus 1:
              Bb
        This world has lost its glory
                                       F
        Let's start a brand new story now, my love
               G
        Right now there'll be no other time
                            A       D7
        And I can show you how, my love

Verse 2:
        Talk in everlasting words
        And dedicate them all to me
        And I will give you all my life
        I'm there if you should call on me

Chorus 2:
              Bb
        You think that I don't even mean
                         D  [N.C.]
        A single word I say
                    G                        D7
        It's only words and words are all I have
                            G     D7
        To take your heart away

[repeat verse with wordless vocal]
[repeat chorus 2]

Coda:
        (2X, second time acapella):
                    G                        D7
        It's only words and words are all I have
                            G     D7
        To take your heart away

Tag:
        G      D7/F#      G  D7    G [arpeggiate]
        / / / /  / / / /  / / / /  /
 
 

Have You Ever Seen The Rain  -  Creedence Clearwater Revival
Intro: [Am][F][C][G][C]

[C]Someone told me long ago,
  there's a calm before the storm,
I [G]know and its been coming [C]for some time.
[C]When its over so they say,
 it'll rain a sunny day,
I [G]know shinin' down like [C]water

     [F]I want to [G]know,  have you [C]ever [C/B]seen the [Am]rain         [Am/G]
     [F]I want to [G]know,  have you [C]ever [C/B]seen the [Am]rain         [Am/G]
     [F]Coming [G]down on a sunny [C]day

[C]Yesterday and days before,
 sun is cold and rain is hot
I [G]know, been that way for [C]all my time.
[C]'Til forever on it goes,
 through the circle fast and slow,
I [G]know, and I can't stop, I [C]wonder

    /|  [F]I want to [G]know,  have you [C]ever [C/B]seen the [Am]rain         [Am/G]
2x - |  [F]I want to [G]know,  have you [C]ever [C/B]seen the [Am]rain         [Am/G]
    \|  [F]Coming [G]down on a sunny [C]day
 
 
 

HAVE YOU EVER SEEN THE RAIN - By CREEDENCE CLEARWATER REVIVAL  ( CCR )
Intro....   G   C   G

G
Someone told me long ago, there's a calm before the storm
   D                          G
I know, it's been commin' for some time

When it's over so they say, it will rain a sunny day
   D                       G
I know shinnin' down like water

         C        D             G     Bm       Em     D
               I wanna know, have you ever seen the rain
               C        D             G     Bm       Em     D    C
               I wanna know, have you ever seen the rain
                        D              G
               Commin' down on a sunny day

Yesterday and days before
Sun is cold and rain is hot
I know, didn't I pay for all my time
And forever on it goes
Through the circle fast and slow
I know, it can't stop I wonder
 

      /|     C        D             G     Bm       Em     D
     / |    I wanna know, have you ever seen the rain
 2x /  |    C        D             G     Bm       Em     D    C
    \  |    I wanna know, have you ever seen the rain
     \ |              D              G
      \|    Commin' down on a sunny day

Yeah  I wanna ......
 
 
 

California Dreaming  -  "The Mamas and the Papas"
 

All the leaves are [Am]brown[G]    [F]  and the [G]sky is [Bm7]grey     [E7]
[F]I've been for a [C]walk[E7]       [Am]    on a winter's day[E]     [E7]
 

I'd be be safe and [Am]warm[G]    [F]    if I [G]was in L.[Bm7]A.     [E7]
California [Am]dreaming[G]      [F]     on [G]such a winter's [Bm7]day  [E7]
 

Stopped into a [Am]church[G]    [F] I passes a[G]long the [Bm7]way     [E7]
Oh I [F]got down on my [C]knees[E7]     [Am] and I pre[F]tend to [E]pray   [E7]
You know the preacher likes the [Am]cold,  [G]    [F]
he knows [G]I'm gonna [Bm7]stay   [E7]
California [Am]dreaming[G]      [F]on [G]such a winter's [Bm7]day  [E7]
 

All the leaves are [Am]brown[G]    [F]  and the [G]sky is [Bm7]grey     [E7]
[F]I've been for a [C]walk[E7]       [Am]  on a winter's day[E]     [E7]
 

If I didn't [Am]tell her[G]     [F] I could [G]leave to[Bm7]day    [E7]
California [Am]dreaming[G]     [F]
on [G]such a winter's [Bm7]day  [E7]   [F]
on [G]such a winter's [Am]day  [G]     [F]
on [G]such a winter's [Fmaj7]day  [G]     [Cmaj7]
 
 
 

CCR - "Born On The Bayou"

Chords: E    e (these are how the chords should be played in this song!!)
E7      xx2130
A       x0222x
Em      xx200x
D       xx0232

Intro/Rhy. Fig1: (w/ tremolo effect)
---------------
4/4      E7
e-|----|-------0---------0----|--------0----------0-------||
B-|----|----------3------3--3-|-(3)----3--3-------3--3----||
G-|----|----1---------1-------|-----1----------1---------:||
D-|----|-2--------------------|--------------------------:||
A-|--2-|----------------------|---------------------------||
E-|----|----------------------|---------------------------||

Verse1:
------
E7
.....

Verse2:
------
E7
......

E7                           D A (Em) E7                      D  A (Em)
chasing down a hoodoo there,      Chasin' down a hodoo there

Chorus:
------
E7              D A (Em) E7              D A (Em)
Born on a bayou            Born on a bayou
E7                D   A    (Em) E7
Born on a bayou, Lord Lord.

Guitar Solo:
-----------
   E7
e-|--------------|-------------------------|--------------------|
B-|--------------|-------------------------|--------------------|
G-|-2~~~~~~------|-2-p1--2-p1--2-p1--2-p1--|--2-p1--2-p1-----1--|
D-|--------------|-------------------------|--------------2-----|
A-|--------------|-------------------------|--------------------|
E-|--------------|-------------------------|--------------------|

e-|-----------------------|--------0-------------|----0-------------------|
B-|-----------------------|------3---------------|--3---------------------|
G-|--2-p1--2-p1------1--2-|-2-/4------2--1--2-/4-|-------2--1--2-p1--2-p1-|
D-|---------------2-------|----------------------|------------------------|
A-|-----------------------|----------------------|------------------------|
E-|-----------------------|----------------------|------------------------|

e-|---------------------|----------------|
B-|---------------------|----------------|
G-|--2-p1--2-p1---------|----------------|
D-|---------------2---2-|-(2)------------|
A-|---------------------|----------------|
E-|---------------------|----------------|

[Then repeat Rhy. Fig1]
Verse3 (as Verse1)
[Repeat Chorus]
[Repeat Rhy. Fig1 and fade]
 

Debaixo dos Caracóis dos seus cabelos
De: Roberto Carlos / Erasmo Carlos
Tom: E

E
Um dia a areia branca
         F#m
teus  pés irão tocar
    B7
E vai molhar os seus cabelos
   E                        B7
a água azul do mar

E
Janelas e portas vão se abrir
       F#m
prá  ver você chegar
    B7
E ao se sentir em casa
    E                       B7
Sorrindo vai chorar

   E                                              A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E      E4 E B7
Uma história pra contar de um mundo tão distante                                            A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E   B7
Um soluço e a vontade de ficar mais um instante

   E                                     F#m
As luzes e o colorido que você vê agora
       B7                                 E                     B7
Nas ruas por onde anda, na casa onde mora
    E                                    F#m
Você olha tudo e nada lhe faz ficar contente
          B7                         E                       B7
Você só deseja agora, voltar pra sua gente

   E                                              A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E      E4 E B7
Uma história pra contar de um mundo tão distante
   E                                              A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E   B7
Um soluço e a vontade de ficar mais um instante

   E                                  F#m
Você anda pela tarde e o seu olhar tristonho
B7                                 E                              B7
Deixa sangrar no peito uma saudade um sonho
      E                             F#m
Um dia vou ver você chegando num sorriso
    B7                                  E                 B7
Pisando a areia branca que é seu paraíso

   E                                              A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E      E4 E B7
Uma história pra contar de um mundo tão distante
   E                                              A
Debaixo dos caracóis dos seus cabelos
                               B7                                     E   B7
Um soluço e a vontade de ficar mais um instante            bis
 
 

MEDO DA CHUVA
Raul Seixas / Paulo Coelho
 Tom: D

D
É pena
Que você pense que eu sou
A7
seu escravo
Dizendo que eu sou seu marido
D
E não posso partir
G
Como as pedras imóveis
na praia
F#m    Bm
Eu fico ao teu lado sem saber
Em7    A7
Dos amores que a vida me trouxe
D
E eu não pude viver
G
Eu perdi o meu medo
D
Meu medo, meu medo da chuva
G
Pois a chuva voltando pra terra
D
Traz coisas do ar
G
Aprendi o segredo
D
O segredo, o segredo da vida

Em7
Vendo as pedras que choram
A7   D
sozinhas no mesmo lugar
 E não posso entender
A7
tanta gente aceuitando a mentira
De que os sonhos desfazem
D
Aquilo que o padre falou
G
Porque quando eu jurei meu amor
F#m
eu traí a mim mesmo
Bm    Em7
Hoje eu sei que ninguém nesse mundo
A7
É feliz tendo amado uma vez
D   D7
Uma vez
G
Eu perdi o meu medo
D
Meu medo, meu medo da chuva
G
Pois a chuva voltando pra terra
D
Traz coisas do ar
G
Aprendi o segredo
D
O segredo, o segredo da vida
Em7
Vendo as pedras que choram
A7   D
sozinhas no mesmo lugar
Em7
Vendo as pedras que choram
A7    D
sozinhas no mesmo lugar
Em7
Vendo as pedras que sonham
A7   D
Sozinhas no mesmo lugar
 
 

O DIA EM QUE A TERRA PAROU
De: Raul Seixas / Cláudio Roberto
tom: D
Intr.: (G A D)

D G A
Essa noite eu tive um sonho
D
de sonhador
G D A
Maluco que sou, eu sonhei
G A D
Com o dia em que a Terra parou
G A D
com o dia em que a Terra parou
(D D4 D D9)
Foi assim
No dia em que todas as pessoas
Do planeta inteiro
Resolveram que ninguém ia sair de casa
Como que fosse combinado em todo
o planeta
Naquele dia, ninguém saiu saiu de casa, ninguém
D G D
O empregado não saiu pro seu trabalho
G D A
Pois sabia que o patrão também não tava lá
D G D
Dona de casa não saiu pra comprar pão
G D A
Pois sabia que o padeiro também não tava lá
G
E o guarda não saiu para prender
F#m
Pois sabia que o ladrão, também não tava lá
G
e o ladrão não saiu para roubar
A D
Pois sabia que não ia ter onde gastar

4X | G A D
No dia em que a Terra parou

D G D
E nas Igrejas nem um sino a badalar
G D A
Pois sabiam que os fiéis também não tavam lá
D G D
E os fiéis não saíram pra rezar
G D A
Pois sabiam que o padre também não tava lá
G
E o aluno não saiu para estudar
F#m
Pois sabia que o professor também não tava lá
G
E o professor não saiu pra lecionar
A D
Pois sabia que não tinha mais nada pra ensinar

4X | G A D
No dia em que a Terra parou

D G D
O comandante não saiu para o quartel
G D A
Pois sabia que o soldado também não tava lá
D G D
e o soldado não saiu pra ir pra guerra
G D A
Pois sabia que o inimigo também não tava lá
G
e o paciente não saiu pra se tratar
F#m
Pois sabia que o doutor também não tava lá
G
E o doutor não saiu pra medicar
A D
Pois sabia que não tinha mais doença pra curar

4X | G A D
No dia em que a Terra parou

D G A D
Essa noite eu tive um sonho de sonhador
G D A
Maluco que sou, acordei

3X | G A D
No dia em que a Terra parou

Eu acordei
G A D
No dia em que a Terra parou, acordei
G A D
No dia em que a Terra parou
Justamente
G A D
No dia em que a Terra parou
G
Eu não sonhei, acordei
G A D
No dia em que a Terra parou
G A D
No dia em que a Terra parou
G A D
No dia em que a Terra parou
 
 

Wish You Were Here - Pink Floyd

C/G                        D/F#
So.. so you think you can tell
             Am
Heaven from Hell?
                 G
Blue skies from pain?
                       D
Can you tell a green field
                   C/G
From a cold steel rail?
                Am/E
A smile from a veil?
                      G
Do you think you can tell...

                     C/G
Did they get you to trade
                 D/F#
Your heros for ghosts?
                Am
Hot ashes for trees?
                  G
Hot air for a cool breeze?
                    D
Cold comfort for change?
          C/G
Did you exchange
                      Am
A walk on part in the war
                      G
For a lead role in a cage?

C/G                              D/F#
How I wish, how I wish you were here
            Am                                G
We're just two lost souls swimming in a fish bowl

Year after year.
D/F#
Running over the same old ground.
C/G
What have we found?
              Am
The same old fears
              G
Wish you were here
 

Eu Nasci Há Dez Mil Anos Atrás
Raul Seixas - Paulo Coelho

|  E      A         D                A        D   E
|  Eu nasci há dez mil anos atrás
|            A                      D                          E
|  E não tem nada nesse mundo que eu não saiba demais

       D
Eu vi Cristo ser crucificado
     A                      F#m
O amor nascer e ser assassinado
          E
Eu vi as bruxas pegando fogo
                             A           A7
Prá pagarem seus pecados, eu vi
          D
Eu vi Moisés cruzar o Mar Vermelho
        A                  F#m
Vi Maomé cair na terra de joelhos
      B7                          E
Eu vi Pedro negar Cristo por três vezes
                     A        E
Diante do espelho, eu vi

REFRÃO

Eu vi as velas se acenderem para o Papa
Vi Babilônia ser riscada no mapa
Vi Conde Drácula sugando sangue novo
E se escondendo atrás da capa, eu vi

Eu vi a arca de Noé cruzar os mares
Vi Salomão cantar seus salmos pelos ares
Vi Zumbi fugir com os negros prá floresta
Pro Quilombo dos Palmares, eu vi

E      A       D                A       D   E
Eu nasci há dez mil anos atrás
          A                     D                                    E
E não tem nada nesse mundo que eu não saiba demais

        D
Eu vi o sangue que corria da montanha
         A                     F#m
Quando Hitler chamou toda Alemanha
        E
Vi o soldado que sonhava com a amada
                    A      A7
Numa cama de campanha
         D
Eu li os símbolos sagrados de umbanda
      A                       F#m
Fui criança prá poder dançar ciranda
        B7                            E
Quando todos praguejavam contra o frio
                    A         E
Eu fiz a cama na varanda

REFRÃO

Eu tava junto com os macacos na caverna
Eu bebi vinho com as mulheres na taberna
E quando a pedra despencou da ribanceira
Eu também quebrei a perna, eu também

Eu fui testemunha do amor de Rapunzel
Eu vi a estrela de Davi brilhar no céu
E pr'aquele que provar que eu estou mentindo
Eu tiro o meu chapéu
 
 

Não Chores Mais - B. Vicent - Versão Gilberto Gil
 

A      E/G#   F#m  D    A  E    A   E
No, woman, no cry, no woman, no cry  (Bis)
A               E/G#      F#m          D
Bem que eu me lembro, a gente sentado ali
A             E/G#        F#m  D
Na grama do aterro sob o sol
A         E/G#        F#m    D
Ob... observando hipócritas
A              E/G#      F#m   D
Disfarçados, rondando ao redor
A       E/G#      F#m         D      A   E/G#  F#m  D
Amigos presos, amigos sumindo assim, pra nunca mais
A          E/G#      F#m               D
Nas recordações retratos de um mal em sí
A           E/G#     F#m  D
Melhor é deixar pra tráz
A          E/G#  F#m D  A     E           A
Não, não chores mais... não, não chores mais

A               E/G#     F#m           D
Bem que eu me lembro, a gente sentado alí
A            E/G#        F#m  D
Na grama do aterro sob o céu
A       E/G#       F#m      D  A      E/G#         F#m  D
Ob... observando estrelas, junto a fogueirinha de papel
A         E/G#    F#m        D       A    E/G#  F#m  D
Quentar o frio, requentar o pão,  e comer com você
A       E/G#      F#m     D
Os pés de manhã, pisar o chão
   A               E/G#  F#m      D
Eu sei, a barra de viver, mas se Deus quiser

A                    E/G#        F#m           D
Tudo, tudo, tudo vai dar pé! Tudo, tudo, tudo vai dar pé
A                    E/G#        F#m           D
Tudo, tudo, tudo vai dar pé! Tudo, tudo, tudo vai dar pé
 

A     E/G#     F#m                D
No, woman, no cry, no, woman, no cry!
A         E/G#  F#m                  D
Não, não chores mais ...  menina não chore assim
A     E          A
Não, não chores mais
 
 
 

A Promessa - Engenheiros do Havai
Intr.: ( Am F G)
 

         Am               G                     F
            Nao vejo nada (o que eu vejo nao me agrada)
         Am               G                     F
            Nao ouco nada (o que eu ouco nao diz nada)
         Am            G             F
            Perdi a conta das perolas e porcos
         Am               G                 F
           Que eu cruzei pela estrada
         Dm                                  F                                        C     Am G
            Estou ligado a cabo a tudo que acaba de acontecer
         Am         G              F
            Propaganda e a arma do negocio
         Am                G                   F
           No nosso peito bate um alvo muito facil
         Am          G             F
           Mira a laser... miragem de consumo
         Am          G           F
           Latas e litros de paz teleguiada
         Dm                              F                                      G
           Estou ligado a cabo a tudo que eles tem pra oferecer

        Refrao
                  C                                 G
        [ ...O ceu e so uma promesa
        [                  F                       Bb      G/B   C
        [ Eu tenho pressa, vamos nessa dire...ção
2X      [                                              G
        [ Atras de um sol que nos aqueça
        [                 Dm                 Bb         E
        [ Minha cabeca nao aguenta mais...

        segunda vez E intr. (solo)

         Am                   G       F
           Tu me encontrastes de maos vazias
         Am                  G                 F
           Eu te encontrei na contramao
         Am             G    F
          Na hora exata, na encruzilhada
         Am            G        F
           Na highway da superinformacao
         Dm                               F                                G
           Estamos tao ligados ja nao temos o que temer

        Refrao 2X

                C                                   G
        ...O céu é só uma promessa
                                 F                      Bb      E     C
        Eu tenho pressa, vamos nessa direção...
 
 
 

Indignação
Tom:G
Intr: G C G C
 

G              C
Eu fiquei indignado
G              C
Ele ficou indignado
G                  C
A massa indignada
G                  C
Duro de tao indignado
    G
A nossa indignacao
              Am/G
E uma mosca sem asas
       C
Nao ultrapasse as janelas
                  G
De nossas casas
                    Am/G
Indignacao indigna
    F/G       G  (G C)
Indigna inacao
                 Am/G
Indignacao indigna
   F/G       G   (G C)
Indigna inacao
G                C
Eu fiquei indignado
G                C
Ele ficou indignado
G                  C
A massa indignada
G               C
Duro de tao indignado
    G
A nossa indignacao
           Am/G
E uma mosca sem asas
       C
Nao ultrapasse as janelas
             G
De nossas casas
                Am/G
Indignacao indigna
    F/G       G  (G C)
Indigna inacao
                 Am/G
Indignacao indigna
   F/G       G   (G C)
Indigna inacao
           G
Lazzo Matumbe, Araketu, lle Aye
                C
A Bahia indignada
           G
Carlos Cachaca, Mrengueira Ivo Meireles
                  C
O samba indignado
       G
Vial Dias, Papagaio, Cafezal
                         C
Pendura Saia, Pau Comeu,

Pai Tomas, Santa Marta
                G             C
O morro indignadoG               C
    G
A nossa indignacao
           Am/G
E uma mosca sem asas
       C
Nao ultrapasse as janelas
             G
De nossas casas
                Am/G
Indignacao indigna
    F/G       G  (G C)
Indigna inacao
                 Am/G
Indignacao indigna
   F/G       G   (G C)
Indigna inacao
    G
Ramiro, Lucio Flavio e Escadinha
               C
O crime indignado
       G
Cafuringa, Natal e Jairzinho
                 C
La na ponta indignados
   G
Sata e seus Asseclas,

Imigrantes da Abissinia
         C
Boca Branca, os inocentes

E os leoes da Lagoinha
        G        C
Indignados
         G
Jaguarao, Oiapoque e Guaicurus
               C
A zona indignada
              G
Ginga, Mao Branca, Negrinhos de Sinha
                C
A capoeira indignada
      G
Gavioes, Galoucura, Mafia Azul, Young Flu,
         C
Mancha Verde, Flamante Independente
                 G
A massa indignada.
 
 
 

Te Ver
Tom: B
Intr: B C#m   4 vezes

B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B
Te ter e ter que esquecer
C#m
E insuportavel, e dor incrivel
B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B
Te ter e ter que esquecer
C#m
E insuportavel, e dor incrivel
B
E como mergulhar num rio e
        C#m
        nao se molhar
B
E como nao morrer de frio no
        C#m
        gelo polar
B
E ter o estomago vazio e
        C#m
        nao almocar
B
E ver o ceu se abrir no estio e
        C#m
        nao se animar
B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B                        C#m
Te ter e ter que esquecer
                              (B C#m)2 vezes
E insuportavel, e dor incrivel
B
E como esperar o prato e
        C#m
        nao salivar
B
Sentir apertar o sapato e
        C#m
        nao descalcar
B
E ver alguem feliz de fato sem
        C#m
        alguem para amar
B
E como procurar no mato
        C#m
        estrela do mar
B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B
Te ter e ter que esquecer
C#m                           (B C#m)2 vezes
E insuportavel, e dor incrivel
B
E como nao sentir calor
        C#m
        em Cuiaba
B
Ou como no Arpoador
        C#m
        nao ver o mar
B
E como nao morrer de raiva
        C#m
        com a politica
B
Ignorar que a tarde vai
        C#m
        vadia a mitica
B
E como ver televisao e
        C#m
        nao dormir
B
Ver um bichano pelo chao e
        C#m
        nao sorrir
B
E como nao provar o nectar de
        C#m
        um lindo amor
B
Depois que o coracao detecta a
        C#m
        mais fina flor
B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B                        C#m
Te ter e ter que esquecer
                              (B C#m)
E insuportavel, e dor incrivel
B
Te ver e nao te querer
C#m
E improvavel, e impossivel
B                        C#m
Te ter e ter que esquecer
                              (B C#m)
E insuportavel, e dor incrivel
 
 
 

Tanto
Tom: G
Intr.: ( G Bm Em D )

  G
Coveiros gemem tristes ais
  Bm                  Em
E realejos ancestrais juram que
                     D
Eu não devia mais querer você
   C
Os sinos e os clarins rachados
D
Zombando tão desafinados
Em
Querem, eu sei, mas é pecado
   D
Eu te perder
   G       Bm
É tanto, é tanto
      Em            D
Se ao menos você soubesse
          G
Te quero tanto
Políticos embriagados
   Bm
Dançando em guetos arruinados
Em
 E os profetas desacordados
  D
A te ouvir
   C                       D
Eu sei que eles vem tomar meu
Drinque em meu corpo trincar
   Em                        D
E me pedir pra te deixar partir
   G        Bm
É tanto, é tanto
       Bm           D
Se ao menos você soubesse
          G      Intr.
Te quero tanto
Bm
Todos meus pais querem me dar
 Em
Amor que he tempos não esta la
   D
E suas filhas vão me deixar
     C           C
Por isso não me preocupar
G
Eu voltei pra minha sina
Bm
Contei  pra uma menina
    Em                      D
Meu medo só termina estando ali
    C
Ela é suave assim
D
E sabe quase tudo de mim
    Em
Ela sabe onde eu
                 D
Queria estar enfim
   G        Bm
É tanto, é tanto
       Em           D
Se ao menos você soubesse
         G
Te quero tanto
Mas seu dândi vai
De paletó chinês
Bm
Falou comigo mais de uma vez
Em
Não, eu sei, não fui muito cortês
    D
Com ele, não
C
Isso, porque ele mentiu,
   D
Porque te aganhou e partiu
Em
Por que o tempo consentiu
     D
Ou senão porque
   G        Bm
É tanto, é tanto
      Em            D
Se ao menos você soubesse
         G
Te quero tanto
  Bm
É tanto
      Em            D
Se ao menos você soubesse
          G     Intr.
Te quero tanto
   G       Bm
É tanto, é tanto
      Em            D
Se ao menos você soubesse
         G
Te quero tanto
  Bm
É tanto
      Em            D
Se ao menos você soubesse
         G
Te quero tanto...
 
 
 

Titanic